terça-feira, 21 de agosto de 2007

Arghshsfhshs!

Ao pequeno/pequena estupor de carro vermelho (SIM, ficou lá a tinta, ó meu grande f-d-p!) que bateu no meu carro por trás enquanto ele se encontrava estacionado na minha rua e o levou consequentemente a bater no carro que estava à frente, curiosamente, um jipe, só me apetece escavacar-lhe o carro com uma escavadora daquelas tipo enormes. Era o mínimo que me apetecia fazer. Talvez com o tipo ou a tipa lá dentro não fosse má ideia. Cobardes! Vêem o estado em que deixam as coisas e vão-se embora. Grrr... o meu dia não começou bem.


(O meu carro não está muito mal, apenas umas amolgadelas aqui e acolá, mas houve uma cena na parte detrás que descaiu e acho que temos que ir com ele à oficina. Realmente quando pai parafina falsificada me entra pelo quarto adentro, em pânico, para eu ir ver o que tinha acontecido,pensei que aquilo estivesse pior.)

parafina falsificada

2 comentários:

Anónimo disse...

Mata-os! Eu apoio totalmente essa ideia. Às vezes é mesmo o que merecem.

Bel - a sanguinária assassina...

Rita disse...

Ai que estupores! Isso enerva qualquer pessoa. Quando me contaste isso, eu nem podia em mim. Que estúpidos!

**