quarta-feira, 31 de outubro de 2007

Post dedicado à minha professora de Bioquímica I (para ffulianos: a que está a dar as teóricas agora, a "Help me! I'm dying!")

Querida professora,

Eu sei que lhe deve dar muito prazer gozar com a cara dos seus alunos. Mas a sério, gostava que se decidisse. Primeiro, adia a frequência de 7 de Novembro para 5 de Novembro simplesmente porque lhe apeteceu (e também porque, vá lá, admita, não queria estar ás 7h30 na faculdade *cof*). Agora, adia para 12 de Novembro! A sério, decida-se! Já enerva. Até porque eu vim toda carregada este fim-de-semana com as coisas de Bioquímica pra casa. [Nota: ainda assim vou aproveitar para estudar].

De qualquer das maneiras, se eu hoje estivesse na aula aquando da senhora ter dito tal coisa ("Ah, sim, vamos mudar a frequência para dia 12!"), gostaria de lhe ter dito duas coisas:

a) "Ó professora, essa mistura de drogas que você anda a fazer, está a destruir-lhe os neurónios, sabia?!"

b) "Professora, dê-me um pouco da sua droga, estou com uma necessidade extremamente parva de ficar confusa!"

Obrigada pela atenção,

parafina falsificada

1 comentário:

rummy disse...

imagina q estavas a assistir a cena e n conseguias entender em q dia era o teste.

imagina que essa senhora tem um ar de pessoa ganzada

melhor ainda, imagina q a mulher mete um acetato no seu retroprojector à la botanique e começa a escrever em cima do tal acetato.

tudo isto é a vida real.