domingo, 6 de janeiro de 2008

Dois meses...


Mal consigo acreditar que já passou tanto tempo desde a tua perda. Não há um dia que não pense em ti. E sei que todos aqui em casa sentimos o mesmo - um vazio - sempre que o dia 6 de cada mês se aproxima e sabemos que não vais estar connosco.

Se os milagres existissem, eu só pediria um: para tu voltares para nós, Obi.

Com mais saudades do que nunca,

parafina falsificada

1 comentário:

Rita disse...

Aww! O obi quando ele era pequenino...

oh nessa, nem sei que te diga. eu só o via de mês a mês e também me fez impressão tar aí e não tar c ele. =(

*hugs*