domingo, 26 de outubro de 2008

Histórias das minhas viagens XI

Na sexta-feira, expresso das 14h Lisboa - Castelo Branco, a rapariga que vinha sentada no lugar 44 do autocarro vinha a contar a sua vida muita agitada, nomeadamente a sua noite muito agitada pelos bares da capital e a dizer que tinha estado a falar com pessoal dos Morangos com Açúcar e que um deles se tinha atirado a ela. Isto tudo, a falar ao telemóvel, é claro.

O rapaz que vinha ao meu lado olhou para mim, eu olhei para ele, e não conseguimos parar de rir. É que notava-se a léguas que a miúda estava a inventar. Mas ela falava tão alto, tão alto, que acho que todo a gente no autocarro ouviu a sua bela conversa.

parafina falsificada

1 comentário:

rita disse...

e o rapazinho era alguma coisa de jeito?? :P